filhote de cachorro comendo ração no potinho

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Como alimentar filhote de cães em transição para adulto

Cães e gatos precisam de uma alimentação especial para cada fase da vida. Enquanto são jovens, necessitam de mais proteínas e outros nutrientes para crescer e se devolver de forma saudável. Já na fase adulta, é preciso diminuir alguns minerais, uma dieta menos proteica e também menos calórica. É por isso que é importante o tutor entender como alimentar os filhotes e quando trocar para o alimento de adulto.

Além de uma data certa para isso ser feito, é indicado não alterar a alimentação de forma brusca. Você precisa ter cuidado e proporcionar ao bichinho um período de adaptação.

Está cheio de dúvidas? Então veja a forma correta de alimentar o seu pet, quando e como trocar a ração que oferece a ele.

Como alimentar filhote de cães da forma correta?

Antes de pensar na troca do alimento de filhote para adulto, é preciso compreender todas as fases da alimentação do filhotinho.

A primeira delas é quando ele apenas é amamentado. Nesta etapa, eles são muito sensíveis e precisam do leite da mãe. Caso a cadela adoeça ou por algum motivo não possa amamentar, é preciso oferecer leite na mamadeira para os pequenos. Nos primeiros dias, eles mamam a cada duas horas.

É preciso lembrar que o leite não pode ser o que você compra no supermercado, pois ele é muito fraco em nutrientes. Além disso, contém lactose, que pode dar dor de barriga nos filhotes.

Há um leite em pó especial para cães recém-nascidos, que deve ser diluído de acordo com a indicação do fabricante, esquentado, até que fique morno, e oferecido ao animal de estimação.

O cãozinho precisa ser alimentado por mamadeira no máximo por 30 a 32 dias. Quando chegam a essa fase, eles já têm a audição desenvolvida e os olhinhos bem abertos. Como se movimentam com mais facilidade, acabam começando a ter mais curiosidade sobre tudo o que está ao redor.

Neste momento, começam a cheirar o alimento da mãe e se interessar por ele. Nesta fase, é interessante deixar um pouquinho de alimento úmido perto deles, para que cheirem e comecem a se acostumar.

Não se esqueça de tirar minutos depois e colocar algo novo na próxima refeição. Com o passar dos dias você vai notar que alguns começarão a lamber e gostar da ração alimento úmida. Você pode também umedecer ração de filhote seca, com água morna, e oferecer a eles.

Com 40 dias de idade já é possível desmamar o filhote e passar a oferecer apenas alimento seco para eles. No início, pode ser que você ainda precise umedecer o alimento para que eles ingiram com mais facilidade, mas logo não precisarão mais disso.

Como alimentar filhote de cães? Com qual alimento e até quando?

Os filhotes precisam de nutrientes especiais para desenvolverem a sua musculatura e ossatura bem como todo o organismo. Por isso, é de extrema importância que você ofereça e ele um alimento especial para filhotes. A de adulto não tem a quantidade de nutrientes necessários.

Além disso, a frequência com a qual você oferece o alimento também é importante dentre as regras de como alimentar filhote de cães e deve ser feita da seguinte forma:

· 2 a 4 meses de idade: oferecer o alimento dividido em cinco a seis vezes ao dia;

· 5 a 7 meses: ofereça de duas a quatro porções de ração diariamente;

· 8 a 12 meses: diminua as vezes que alimenta o cão para duas a três ao dia;

· A partir de 12 meses: o cão pode ser alimentado entre duas vezes ao dia.

Vale lembrar que a quantidade de alimento a ser dado ao cachorrinho pode ser baseado na embalagem do fabricante, nas recomendações diárias de consumo. Você deve pegar aquela quantidade, que é estabelecida de acordo com o peso do cão, e dividir pelo número de porções diárias.

Quando mudar de alimento de filhote para adulto?

Agora que você já sabe como alimentar filhote de cães, chegou a hora de entender a importância da troca do alimento de filhote para a de adulto e como ela deve ser feita.

Para começar, lembre-se de que chega um momento em que o animal cresce menos em tamanho e começa apenas a encorpar. Quando essa fase termina a quantidade de vitaminas, minerais e proteínas que ele precisa também é alterada.

Para ficar mais fácil de compreender, pense que enquanto ele se desenvolve o organismo cresce. Por isso, é preciso ter nutrientes na alimentação. Já um adulto, que não tem mais crescimento do organismo, apenas manutenção, tem necessidade de menor quantidade de nutrientes para se manter saudável. Tudo isso altera a forma correta de como alimentar filhote de cães.

Isso vale para todos os nutrientes. No geral, um animal adulto precisa de menos energia do que o filhote. Caso na maturidade a quantidade de energia permaneça a mesma, o adulto poderá engordar muito e tornar-se obeso, o que não é saudável.

Por isso, é muito importante que você se preocupe não apenas em como alimentar filhote de cães, mas também com até quando oferecer o alimento de filhote.

No geral, essa troca deve ser feita quando o animal chega a 12 meses de idade. A raças consideradas toy (pequenas) já podem começar a fazer adaptação a partir dos 10 meses.

Já os animais considerados gigantes, como os Newfoundlands, precisam esperar um pouco mais. A passagem da ração de filhote para a de adulto deve ser feita quando eles tiverem pelo menos 18 meses de idade.

Como fazer a troca de alimentação?

É tão importante ter cuidado na hora de mudar o tipo de alimento oferecido ao seu cão, quanto saber como alimentar filhote de cães. Um dos motivos é que se algo for trocado de um dia para o outro, ele poderá recusar. Afinal, passou 10 meses da sua vida com a ração de filhote. Certamente vai estranhar receber algo diferente.

Outro ponto, importante, é que se você trocar repentinamente a alimentação, o seu pet poderá apresentar transtornos gastrointestinais, como vômito e diarreia, por se tratar de um alimento totalmente diferente em sua composição e o organismo de seu animal está acostumado a outro padrão alimentar.

Viu quanto detalhe e a importância de saber como alimentar filhote de cães corretamente? Em qual etapa da vida o seu cachorrinho está? Conte pra gente nos comentários!

Confira mais