de onde vieram os cachorros

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

De onde vieram os cachorros?

Dizem por aí que o cão é o melhor amigo do homem. É impossível mensurar isso, já que muitos animais são extremamente queridos por nós e fazem parte do nosso dia a dia. No entanto, uma coisa é certa: os cachorros são muito parceiros e verdadeiramente insubstituíveis!

Mas, afinal, como surgiram os cães? Essa é uma dúvida que muitos tutores de cachorros têm. Se esse é o seu caso, não se preocupe: você está prestes a ter a resposta!

Continue a leitura e saiba mais sobre a origem dos cães como espécie, o surgimento de algumas raças e o processo de domesticação deste animal tão incrível e importante para nós. Vamos lá?

De onde surgiram os cães?

A história dos cães começa com o chamado “cão do Ocidente”, um animal que viveu há mais de 30 milhões de anos. Ele teria sido o ancestral de praticamente todos os canídeos que conhecemos hoje em dia e também é conhecido como Eucyon, que significa “cão verdadeiro”.

A partir de um longo processo evolutivo, surgiu o lobo cinzento (Canis lupus). Há evidências de que ele seja um dos ancestrais mais diretos do cão doméstico (Canis lupus familiaris), em um processo que teve o dedo do homem (falaremos mais sobre isso em breve!).

No entanto, até mesmo essa informação não é tão definitiva. Muitos pesquisadores discordam, afirmando que os lobos são, na verdade, “primos” dos cães e que na verdade, tanto eles quanto os cachorros têm um ancestral em comum que ainda não foi identificado pela ciência.

De qualquer forma, a origem dos cães se deu a partir de um processo conhecido como especiação. Ele consiste na “seleção” de alguns exemplares de uma determinada espécie que, pouco a pouco, vão sofrendo evoluções e se transformando em um animal diferente.

Com os cães, a especiação pode ter acontecido tanto a partir dos lobos, quanto a partir de outro animal que ainda não conhecemos e foi, possivelmente, extinto. Apenas o futuro e pesquisas mais aprofundadas poderão nos dar essa resposta!

Como foi o processo de domesticação deste animal?

O processo de especiação, muito provavelmente, começou com os primeiros contatos entre o homem e o antepassado dos cães. Assim, eles foram selecionados e começaram a se diferenciar desse outro animal.

Ainda não se sabe ao certo. O fóssil mais antigo de um cão tem mais de 14.000 anos. Outras documentações, no entanto, são de cerca de 12.000 anos atrás.

Apesar disso, não há uma resposta unânime da ciência para explicar como os lobos (ou o outro ancestral) foram se aproximando das pessoas e, pouco a pouco, domesticados. Além disso, também não sabemos como o processo evolutivo aconteceu, fazendo com que uma espécie (a dos lobos) se modificasse tanto a ponto de se transformar em outra (a dos cães).

A hipótese mais aceita é de que essa amizade começou por conta de um fator em comum: a alimentação. Humanos que viviam em locais bem frios passaram a dividir as sobras de carne com os lobos filhotes, que acabaram se afeiçoando e foram “ficando por ali”. Afinal, quem resiste a um cachorrinho fofo?

Como surgiram as raças de cães?

As diferenças entre exemplares de uma mesma espécie acontecem por vários fatores, sendo um deles a mutação. A partir desse processo aleatório, a seleção natural escolhe os animais mais adaptados a viver em um determinado ambiente.

É por isso que raças diferentes surgiram em lugares diferentes. Cães de ambientes mais frios, como os husky, têm uma pelagem mais espessa para viver nesse local. Esse é apenas um exemplo de como o processo funciona.

De qualquer modo, as raças como conhecemos hoje têm grande influência humana. Os cães passaram por um longo processo de seleção genética, ou seja, no qual a cruza entre o macho e a fêmea acontecia apenas em animais selecionados, com características “desejadas” para as raças.

Vale a pena salientar que as raças surgiram por diversos motivos, como ajudar os humanos em tarefas do dia a dia (um bom exemplo é o pastoreio de ovelhas ou a caça, ao farejar animais na floresta) ou apenas a estética do animal.

Gostou de saber de onde surgiram os cães? Conhecer curiosidades como essas pode parecer bobagem, mas é um passo muito importante para que possamos compreender melhor os nossos melhores amigos e, claro, o amor que sentimos por esses bichinhos.

Já que você é completamente apaixonado pelo seu cão, aproveite e confira a resposta para outra pergunta muito frequente entre os tutores: posso oferecer petiscos ao meu pet? Leia o texto e descubra!

 

 

Confira mais